Dicas de Saúde - Sucos Detox

Saiba como preparar e usufruir dos benefícios dos sucos detox

Você provavelmente já ouviu falar dos sucos detox, que prometem fazer uma verdadeira “faxina” no organismo, trazendo vantagens não só num processo de emagrecimento, mas sim para a saúde como um todo! Mas, enfim, quais benefícios esse tipo de suco oferece? Como prepará-lo e consumi-lo no dia a dia?

O termo “suco detox” refere-se a bebidas que aliam vegetais e frutas que são ricos em fibras, vitaminas, minerais e propriedades antioxidantes, o que auxilia nos processos de eliminação de toxinas e consequente redução do inchaço, além de melhorar o funcionamento do intestino e o sistema imunológico de uma forma geral.

É bom destacar, porém, que os sucos detox não “fazem milagres”: para usufruir de seus benefícios, é necessário que eles sejam incluídos em uma dieta equilibrada. Não é correto ainda dizer que “suco detox emagrece”, embora, sim, ele possa ser um grande aliado no processo de emagrecimento, já que sua função é desintoxicar o organismo e, assim, permitir que ele funcione bem, ou seja, sem “empecilhos” para o emagrecimento.

Ainda que esse tipo de suco possa ser tomado diariamente, seu consumo em excesso não é indicado, além disso, ele não deve substituir refeições. O mais recomendado é tomar o suco detox pela manhã, ainda em jejum – pois assim o estômago estará vazio, permitindo maior absorção dos nutrientes –, e somente uma vez ao dia. Porém, o ideal é sempre consultar um nutricionista para saber qual a melhor forma de consumi-lo de acordo com as particularidades da sua dieta.

O suco detox não deve ainda ser adoçado e, preferencialmente, deve ser consumido sem ser coado logo após seu preparo.

Como fazer o seu suco detox?

Existem inúmeras combinações na hora de fazer um suco detox. Para não errar, dá para usar a “receita base” abaixo. E, a partir daí, variar as combinações, para não enjoar com o sabor do suco e também garantir os benefícios dos mais variados nutrientes. Confira o passo a passo:

1 –  Escolha um ou mais ingredientes ricos em clorofila: couve, agrião, salsinha, salsão, hortelã.

2 – Opte por uma ou duas frutas: laranja, limão, maçã, mamão, morango, maracujá, abacaxi, cenoura etc.

3 – Escolha o líquido que será a base do seu suco: água, água de coco, chá-verde, chá-branco, chá de hibisco ou outro chá natural.

4 – Adicione preferencialmente gengibre, canela ou até mesmo pimenta em pó, que são ingredientes termogênicos.

Exemplos de receitas:

Suco detox 1: couve + hortelã + limão + água de coco + gengibre

Suco detox 2: agrião + maracujá + água + canela em pó

Suco detox 3: hortelã + laranja + chá-verde + gengibre

Suco detox 4: couve + maçã + cenoura + água + gengibre

Suco detox 5: couve + maçã + limão + água de coco + pimenta em pó

Vale reforçar que estes são apenas exemplos, pois os ingredientes utilizados ficam a seu critério, até mesmo para que o sabor final do suco fique agradável ao seu paladar.

Para preparar o suco não tem mistério: basta lavar bem todos os ingredientes e batê-los no liquidificador. Açúcares e adoçantes não devem ser utilizados (ao menos que seu nutricionista recomende) e o suco deve ser tomado preferencialmente sem ser coado, para que mantenha assim maior teor de fibras. Você pode ainda adicionar gelo para consumi-lo geladinho!

Para resultados efetivos, alie o consumo de sucos detox a uma alimentação equilibrada e à prática de exercícios físicos.

As informações contidas neste site da DFARMA não devem ser usadas para automedicação e não substituem,

 de maneira alguma, as orientações dadas pelo profissional da área médica.

Somente o médico está apto a diagnosticar qualquer problema de saúde e prescrever o tratamento adequado.

Ao persistirem os sintomas, um médico deverá ser consultado.

  • RedeDfarma
  • RedeDFARMA
  • Google+ Social Icon